Propaganda Black Friday: estratégias para vender mais em 2020

Andrew Roach Anunciar e promover

9 minutos 0 comentários

Você já começou a bolar a sua estratégia de propaganda Black Friday?

A Black Friday (que também é conhecida aqui no Brasil como Black Week) é uma das datas mais movimentadas do e-commerce. Todos os anos, centenas de lojas – desde as gigantes do varejo até as marcas de pequeno e médio porte – oferecem descontos imperdíveis e promoções inéditas para garantir um bom número de vendas.

Num cenário tão concorrido, é importante que a sua loja esteja bem preparada; afinal de contas, você precisa garantir que os clientes vão notar as suas promoções, acessar o site da loja e realizar compras.

E um dos pilares de uma boa campanha de Black Friday marketing é, claro, a publicidade e as propagandas publicadas na internet, no e-mail e nas redes sociais.

O post de hoje vai falar exclusivamente sobre propaganda Black Friday: como criar uma, como (e onde) divulgá-la, como configurar o site da loja e muito mais.

Descubra milhares de produtos para começar a vender online. Sem compromisso nem cartão de crédito.

Tenha Oberlo agora. É de graça.

Como criar uma campanha Black Friday: 4 etapas que você não pode esquecer

1. Organize-se!

Como criar uma campanha Black Friday: homem organizando calendário

Talvez pareça meio óbvio para os lojistas que já passaram por uma Black Friday, mas não custa nada lembrar: organize-se.

Organize o seu calendário, o site da loja, os produtos que serão vendidos, as promoções que serão anunciadas. A Black Friday pode trazer um movimento gigantesco para a loja – e, se você não estiver com tudo em ordem, os resultados podem ser catastróficos.

Lembre-se: a Black Week não é importante apenas para você. Ela também é uma data extremamente importante para os seus clientes, que querem garantir compras por um bom preço.

Por isso mesmo, uma das nossas dicas é começar o seu planejamento com os clientes em mente: avalie os produtos que eles querem comprar e as promoções que eles gostariam de ver, e verifique se é viável implementar isso na sua loja.

2. Configure e ajuste o site da loja

Se você conseguir criar uma propaganda Black Friday de sucesso (calma, a gente já vai mostrar como!), pode ter certeza de que o site da sua loja vai ficar bem movimentado.

Mas, se a sua loja não estiver preparada para receber um número alto de clientes e visitantes, as vendas que você tanto quer fazer não vão se concretizar. Sabe por quê?

Porque os seus clientes vão acessar um site lento, que não está carregando direito nem as páginas de produto e nem a página de checkout. Ou seja: no lugar de lucro, você vai é ter consumidores frustrados com a marca.

Configurar e ajustar o site da loja não significa fazer pequenos ajustes, mas sim avaliar como estão as suas páginas de produto, as imagens e vídeos desses produtos, o design das páginas, o processo de navegação dentro do site, o checkout… Enfim, tudo o que os seus clientes e visitantes vão precisar acessar para realizarem uma compra.

Também vale a pena dar uma olhadinha na sua landing page e ver se ela precisa de algum ajuste.

3. Encontre o público-alvo ideal

Propaganda Black Friday: como definir o público-alvo

Infelizmente, não dá para vender para todo mundo.

Por isso mesmo, antes de começar a bolar a sua propaganda Black Friday, você precisa definir para quem você quer vender. Sem essa informação, que é a base para qualquer estratégia de segmentação de mercado, você não vai conseguir gerar muitas vendas.

Talvez você já tenha uma ideia de quem é o público-alvo da loja – mas, se esse não for o seu caso, vale a pena pensar um pouquinho em quem estaria interessado em comprar os produtos que a sua marca está vendendo.

Uma boa maneira de identificar quem é o público-alvo da sua marca é dando uma olhadinha no que os seus concorrentes estão fazendo: visite as redes sociais dessas lojas e tente identificar o tipo de perfil que mais interage com as publicações da marca. É bem provável que o seu público-alvo esteja por ali.

Outra forma de começar a coletar informações sobre o seu público-alvo é instalando um Pixel Facebook, que vai monitorar o comportamento de navegação dos visitantes e clientes da sua loja.

4. Propaganda Black Friday: produtos em promoção ou cupom de desconto?

Os consumidores da Black Friday estão atrás de descontos e promoções, mas cabe a você decidir se é melhor anunciar os produtos da sua loja em uma promoção ou se vale mais a pena oferecer um cupom de desconto.

As duas estratégias são válidas, mas podem impactar diretamente a sua campanha Black Friday: com um cupom de desconto, você vai oferecer descontos fixos (10%, 20%, 50%) na hora do checkout; com uma promoção, você lista os produtos da loja a um preço mais baixo.

Essa escolha também precisa ser feita antes da Black Friday começar, porque você vai precisar de um tempo para configurar a loja e os cupons ou promoções.

Se a sua loja estiver hospedada na Shopify, o processo de configuração vai ser bem simples:

Como colocar produtos em promoção

No seu admin da Shopify, acesse Produtos > Todos os produtos, no menu lateral esquerdo. Ali, você vai ver todos os produtos da sua loja.

Selecione o produto que você deseja colocar em promoção e role a tela para baixo até Preço. Depois disso, é só inserir o novo valor no campo Comparação de preços.

Como colocar produtos em promoção Black Friday na Shopify

Como criar um cupom de desconto

Para criar um cupom de desconto como parte da sua campanha Black Friday, basta acessar o seu admin e clicar em Descontos no menu lateral esquerdo. Você verá duas abas: Códigos de desconto e Descontos automáticos. O primeiro vai permitir a criação de cupons; o segundo, a aplicação de descontos automáticos no checkout.

Como criar um cupom de desconto em uma campanha de Black Friday na Shopify

Agora que a sua loja está devidamente configurada para a Black Week, está na hora de começar a pensar na sua propaganda Black Friday.

Campanha Black Friday numa loja de dropshipping: como preparar a loja?

Se você tem uma loja de dropshipping nacional e/ou internacional, vale a pena entrar em contato com o seu fornecedor para verificar como andam os níveis de estoque dos produtos que você quer vender – ou avaliar se vale a pena trocar a variante do produto por uma outra.

Com uma coisa, ao menos, você não vai ter que se preocupar – especialmente se você usar o Oberlo para vender na sua loja da Shopify: é praticamente impossível que a Shopify fique fora do ar durante a Black Friday.

BÔNUS: A gente pode te ajudar se você estiver buscando uma inspiração em outras lojas Shopify. Ah, e se uma das coisas que você precisa ajustar for a fotografia de produtos da sua loja, vale a pena buscar um bom app para editar fotos.

Propaganda Black Friday: como anunciar e conseguir mais vendas

Muita gente se esquece que a Black Friday também é uma data particularmente importante para o e-commerce porque ela acaba inaugurando a época de final de ano – e, claro, a corrida pelos presentes de Natal.

Isso significa que muitos consumidores ficam mais receptivos aos anúncios pagos que costumam ser exibidos nas redes sociais e também aos e-mails promocionais, já que estão começando a pensar nas compras que precisam fazer até dezembro.

Por isso, a gente separou algumas das nossas estratégias favoritas de propaganda Black Friday via redes sociais, Facebook Ads e e-mail marketing.

Vamos mostrar o básico para você começar a sua campanha, ok?

1. Campanha Black Friday nas redes sociais

Campanha Black Friday nas redes sociais

Os empreendedores e empreendedoras do e-commerce já sabem que não dá mais para construir uma marca de sucesso sem cultivar uma presença sólida nas redes sociais.

Não à toa, muita gente acaba entrando no mundo do comércio virtual porque começa a se preguntar como ganhar dinheiro no Instagram, como ganhar dinheiro no YouTube e como realizar vendas pelo Facebook.

Essas três plataformas são bem poderosas, mas também vale a pena considerar a possibilidade de expandir a sua marca em outros canais, como a nova rede social do TikTok ou mesmo o Pinterest (aliás, a gente tem um guia completo sobre o que é o Pinterest e como ele pode ser utilizado para vendas!).

Qualquer que seja a rede social escolhida, o importante é estar na mesma plataforma que os seus clientes – e, quem sabe, implementar uma das nossas 3 estratégias propaganda Black Friday listadas aqui embaixo:

Alimente a expectativa e o hype antes da Black Friday começar

Uma boa estratégia de publicidade nas redes sociais depende, claro, do engajamento dos usuários e seguidores. Por isso mesmo, vale a pena começar a anunciar algumas promoções e novidades nas semanas que antecedem a Black Friday.

A ideia, claro, é não compartilhar muitos detalhes logo de cara e fazer com que os seus seguidores interajam cada vez mais com o perfil da loja. Você pode mostrar alguns produtos novos, fazer uns Stories com contagem regressiva, uma live Instagram contando algumas novidades e muito mais.

Crie descontos exclusivos para as redes sociais

A gente falou ali em cima sobre a possibilidade de criar cupons de desconto como parte da sua campanha Black Friday, né?

Bom, dá para fazer algo parecido com as redes sociais e criar descontos exclusivos para os seus seguidores do Instagram, TikTok, Twitter e mais.

A estratégia pode funcionar mais ou menos assim: você monta um calendário de postagens mais intenso durante a Black Week, com posts ou Stories novos a cada 2 ou 3 horas. A cada nova postagem, você libera um novo cupom de desconto para os seguidores que curtirem, comentarem ou compartilharem o post.

É uma tática que requer um pouquinho de trabalho e organização, mas que pode gerar resultados incríveis.

Aposte nos sorteios e na distribuição de brindes

Todo mundo adora ganhar coisa de graça – e, quando a gente inclui a palavra “grátis” na equação redes sociais + propaganda Black Friday, o sucesso é praticamente garantido.

É por isso mesmo que uma boa estratégia para garantir mais vendas e um bom engajamento nas redes sociais é oferecer, durante os dias da Black Week, alguns sorteios exclusivos ou o envio de brindes em algumas compras.

Lembre-se: quanto mais você incentivar os seus clientes e seguidores a curtir, compartilhar e comentar os seus conteúdos, maiores as chances de conseguir mais vendas.

2. Propaganda Black Friday via Facebook Ads

Propaganda Black Friday via Facebook Ads

A gente sabe – e você também sabe – que o Facebook é um dos maiores canais de vendas do e-commerce. Mas, para além de recursos como o Pixel e o chatbot Facebook, vale a pena explorar algumas outras ferramentas que a plataforma oferece para lojistas.

Crie seus próprios anúncios

Pode parecer um desafio criar uma propaganda Black Friday do zero, mas esta provavelmente vai ser uma das melhores opções.

Além de ter total controle criativo, você vai poder montar a sua campanha do jeito que quiser, usando imagens e vídeos próprios e a ajuda de ferramentas como o Canva, que oferece opções de design profissionais sem que você tenha que pagar nada por isso.

Direcione as campanhas para o público-alvo

Anunciar no Facebook custa dinheiro; por isso mesmo, é essencial que você saiba configurar os anúncios corretamente para garantir que eles sejam visualizados pelo seu público-alvo.

Para garantir que você não jogue dinheiro fora com esses anúncios, vale a pena dar uma lida da documentação de ajuda da Central para Empresas do Facebook. Lá, você vai encontrar todas as opções de direcionamento de campanhas, e também vai aprender a configurar um público-alvo para a sua loja.

Invista nas campanhas de retargeting

Se você já tem um Facebook Pixel instalado na sua loja e também já possui um volume de tráfego considerável, vale a pena considerar o retargeting para a sua propaganda Black Friday.

As campanhas de retargeting (ou redirecionamento) vão te ajudar a colocar a sua loja na frente de visitantes que já acessaram o site da loja no passado mas nunca realizaram uma compra – e também na frente de clientes que realizaram uma compra e nunca mais voltaram ao site.

3. Propaganda Black Friday via e-mail marketing

Propaganda Black Friday via e-mail marketing

O e-mail marketing é uma das estratégias mais bem-estabelecidas do mercado, e não é à toa: além de gerar bons resultados, o e-mail marketing é também um dos canais de marketing com melhor custo-benefício.

Por isso mesmo, separamos 3 formas de integrá-lo à sua campanha Black Friday.

Anuncie promoções por e-mail

Sim, vai ter muita gente mandando e-mail promocional para os clientes durante a Black Friday – mas isso não quer dizer que você não possa utilizar essa estratégia também.

A nossa recomendação é apostar na objetividade: crie um e-mail bem conciso e visualmente instigante com um CTA bem claro para garantir o clique e, possivelmente, a compra.

Envie e-mails de carrinho abandonado

Outra estratégia que pode gerar bons resultados é investir não em uma propaganda Black Friday tradicional, mas sim em e-mails de carrinho abandonado.

Percebeu que alguns visitantes estão acessando a loja para conferir as promoções, colocando itens no carrinho e mesmo assim não estão concluindo a compra? Um e-mail de carrinho abandonado (com um desconto especial, se for possível) pode reverter essa situação.

Ofereça promoções por tempo limitado ou do estilo “última chance”

Por último, vale lembrar que a sua propaganda Black Friday não precisa terminar só porque a Black Friday terminou.

Para garantir um número maior de vendas, você pode expandir a sua campanha para incluir algumas promoções no estilo “última chance” na semana após a Black Friday. Se o caixa da loja permitir, você também pode incluir um desconto a mais – tipo algo como 10% acima do desconto que você já havia anunciado.

Como montar uma propaganda Black Friday e vender mais: resumo

  • Antes de criar a campanha Black Friday, configure o site da loja para garantir que os clientes consigam realizar as compras.
  • Escolha se vale a pena oferecer produtos em promoção ou cupons de desconto.
  • Leve sua campanha Black Friday para as redes sociais.
  • Faça sua propaganda Black Friday via Facebook Ads.
  • Aposte em uma campanha Black Friday via e-mail marketing.

Descubra milhares de produtos para começar a vender online. Sem compromisso nem cartão de crédito.

Tenha Oberlo agora. É de graça.

Quer saber mais?

Andrew Roach
Andrew Roach
Andrew Roach produz conteúdo para o Oberlo. É apaixonado pelo comércio eletrônico e adora criar conteúdos instigantes para empreendedores que querem abrir uma loja ou um e-commerce. Você pode se conectar com o Andrew aqui.